Os Simpsons acidentalmente criou uma tendкncia estъpida em Hollywood - Cinema | Entretenimento

Ned Flanders, й um exemplo de uma das tendкncias de carбter frustrante mais persistentes de Hollywood. Sendo um problema hб anos, esta questгo tem atormentado mais do que apenas Ned e outros moradores de Springfield, e ainda й visнvel atravйs de personagens como Thor em Thor: Amor e Trovгo.

Os estъdios de Hollywood deixaram vбrios personagens, desde os favoritos da TV, como Brian Griffin, de Family Guy, atй Thor, do Universo Cinematogrбfico Marvel (MCU), passarem pela mesma mudanзa sem saber do erro de Os Simpsons.

Ned Flanders entra em Os Simpsons como um vizinho charmoso e gentil de Homer, Marge, Bart, Lisa e Maggie Simpson, vivendo com sua famнlia perfeita no 744 Evergreen Terrace.

Nas primeiras temporadas, a disposiзгo de Ned em ajudar os outros, status como um bom marido, e natureza excessivamente alegre sгo suas principais caracterнsticas, embora ele tambйm tenha uma forte fй no cristianismo.

Isso faz dele antнtese ideal de Homer Simpson, que estб constantemente irritado com a personalidade do cara legal de Flanders, jб que Homer й preguiзoso e egoнsta.

No entanto, ao longo das 34 temporadas de Os Simpsons, Flanders evoluiu para uma caricatura de si mesmo. Quase todos os seus diбlogos e piadas agora giram em torno de seu cristianismo, ao ponto de ser um fanбtico religioso, mesmo dizendo ao seu filho, Todd Flanders, que ele gostaria que ele nгo tivesse 'o cabelo encaracolado do diabo' no filme do desenho.

A transformaзгo de Ned Flanders de um personagem bem construнdo em um estereуtipo religioso foi descrita como 'flanderizaзгo' (via ScreenRant), usando Ned como um exemplo de caracterizaзгo que deu errado.

O termo refere-se a um personagem que perde o que os torna tridimensionais e realistas e, em vez disso, tem um aspecto de sua personalidade repetido atй que eles se tornem uma caricatura completa. Junto com Ned, Jack Sparrow, de Johnny Depp, й outro exemplo de um personagem 'flanderizado'.

Tгo comum й esse problema que agora impacta muitos dos personagens mais estabelecidos de Hollywood - criando o que pode ser uma das tendкncias mais burras da indъstria.

Isso geralmente ocorre quando um estъdio aparentemente nгo sabe o que fazer com um personagem. Thor em Thor: Amor e Trovгo й um exemplo primordial de um estъdio flanderizando seu prуprio personagem.

O deus do trovгo й introduzido pela primeira vez como leal, ligeiramente humorнstico em Thor, mas й lentamente flanderizado ao longo de suas apariзхes subsequentes ao ponto de, em Amor e Trovгo sua comйdia boba й sua ъnica caracterнstica de carбter importante, assim como Ned Flanders e Jack Sparrow.

No entanto, os personagens podem ser flanderizados de muitas outras maneiras: ele nгo precisa girar em torno de quais partes de sua personalidade os tornam engraзados. Brian Griffin, de Seth MacFarlane, comeзa Family Guy como um estoico, e sarcбstico, amigo de Peter Griffin.

No entanto, sua arrogвncia acaba se tornando sua ъnica caracterнstica marcante em temporadas posteriores, provando que traзos negativos tambйm podem ser flanderizados para tornar um personagem em uma caricatura total de si mesmos.

Hollywood precisa aprender a nгo copiar os piores aspectos de obras famosas, caso contrбrio, teremos apenas personagens rasos daqui para a frente.